Publicado em 13/2/2021 às 11:53

Quanto o Youtube me paga por 1 milhão de views

Por Agilso
Última atualização em 18/5/2021 às 22:41

A maioria das pessoas tem palpites absolutamente fora da casinha com relação a quanto o Youtube paga aos seus criadores de vídeo. Tipo, muito longe mesmo. Eu perguntei a minha mãe quanto ela achava que eu tinha ganhado com meu vídeo de 1 milhão de views e a resposta: "40 mil reais" 😲😲. Bem longe disso 😂😂😭.

A verdade é que o valor depende de vários fatores. A idade dos espectadores, tema do seu vídeo e localização da audiência são todos aspectos que influenciam consideravelmente o seu RPM e, consequentemente, a performance financeira do seu vídeo.

O que é CPM e RPM?

Um rápido adendo aqui antes de continuar.

  • CPM Custo por mil visualizações - Quanto custou aos anunciantes mil exibições de seu anúncio
  • RPM Receita por mil visualizações - Quanto você ganha aproximadamente a cada 1 mil visualizações de um vídeo.

Normalmente, o seu RPM é 50% do seu CPM. Isto é, o Youtube embolsa mais ou menos 50% do valor do anúncio em cima do seu vídeo. Seu vídeo.

Quanto o Youtube me pagou

Nesse momento, eu tenho apenas 2 vídeos que passaram de 1 milhão de visualizações 😥. Por enquanto (me aguarde, Youtube). E aí está o quanto ele me pagou.

Vídeo 1

"Como transformar seu celular em Webcam" é meu vídeo com mais views atualmente. Neste momento, ele está com 1.100.000 visualizações. E aí está o que ele me rendeu:

Youtube Revenue 1M

O valores apresentados consideram a cotação do dolar de hoje de R$ 5,37, data da publicação. Em números, meu vídeo ficou assim:

  • RPM: U$ 1,06 ou R$ 5,73
  • Receita com 1M views: U$ 1.060,00 ou R$ 5.692,00
  • Receita até hoje (1,1M views): U$ 1.174,70 ou R$ 6.308,14

Vídeo 2

O segundo lugar do meu canal é do vídeo "Top 3 gravadores de tela para Android", que chegou a marca de 1 milhão há poucos dias (e me deu a ideia de fazer este post).

Youtube Revenue 1M
  • RPM: U$ 1,00 ou R$ 5,37
  • Receita com 1M de views: U$ 1.000,60 ou R$ 5.373,22

Apesar de ter apenas dois vídeos acima de 1M, eu tenho outros vídeos com bastante visualizações. Considerando o RPM médio do meu canal, eu recebo R$ 5.531,10 a cada 1 milhão de visualizações (U$ 1.030), que é um valor bom para o Brasil.

RPM pode variar ABSURDAMENTE

Se liga nesse vídeo da gringa (RPM bom)

A youtuber gringa Shelby Church fez um vídeo que mostrou a jornada de uma CEO para construir uma empresa de milhões de dólares. O vídeo dela estorou. Se liga como foi o RPM que ela compartilhou.

Youtube Revenue 1M

Muito antes de atingir a marca de 1M (aos 371 mil views), ela já tinha faturado mais de U$ 3.000,00 com o vídeo. O desempenho dele foi fantástico, muito acima do normal. Continuando nesse ritmo, ela vai alcançar os seguintes números:

  • RPM: U$8,13 ou R$ 43,64
  • Receita com 1M de views: U$ 8.130,00 ou R$43.635,22

Bom, para a gringa, o palpite da minha mãe lá de R$ 40.000,00 foi até que bem perto.

Canal de pegadinha (RPM ruim)

Agora vamos ao exemplo que me deixa até triste pelo Barone. O Barone TV é um canal de pegadinha que estourou há dois anos com diversos vídeos virais, ultrapassando a marca de 90 milhões de visualizações. Num vídeo de desabafo, ele abriu o analytics dele mostrando o desempenho do canal. O desabafo não foi a toa.

Youtube Revenue 1M

Para se ter ideia do quão "diferente" são as métricas do Barone, repare que em 1 mil visualizações, o vídeo da gringa ganha quase 130 vezes mais do que ele. Os números do canal do Barone:

  • RPM: U$0,06 ou R$ 0,34
  • Receita de 1M de views: U$ 63,02 ou R$ 383,42
  • Receita Total (93,6M views): U$ 5898,78 ou R$ 31.676,45.

E comparando com meu canal, eu preciso de 6 milhões de visualizações para receber o mesmo que as 93 milhões de views do Barone.

Por que tão diferente? O que pode influenciar o valor do RPM.

Considerando que seu vídeo está dentro das diretrizes do Youtube e devidamente monetizado, há vários aspectos que influenciam no seu RPM.

Tema do vídeo

É diferente se você faz um vídeo de pegadinhas ou se fala sobre o mercado financeiro. Se você falar de um tema que possui produtos com altos tickets (preços), você possivelmente vai ganhar mais por view. Tudo depende de quão disputado é o mercado e de quanto o anunciante está disposto a pagar. Quão mais disputado para o anunciante, melhor para você.

Audiência do Canal

Quanto mais nichado, melhor. Por isso, canais com vídeos sobre temas específicos são os que mais ganham.

Imagina a performance de um anúncio de uma lente fotográfica num canal de pegadinhas. Imagina agora a mesma propaganda num canal sobre fotografia.

Canais pequenos nichados costumam ganhar mais do que canais grandes de público genérico ou sem um tema específico. Isso acontece porque o algoritmo de anúncios de Youtube busca exibir anúncios com a maior probabilidade de conversão. O anúncio certo para a pessoa certa. Se seu canal tem um público específico, quando aparecer o produto certo, o Youtube vai saber que é ali que ele tem que exibir.

Em contrapartida, se seu canal tem um público extremamente genérico, fica difícil para o algortimo saber qual anúncio ele deve exibir no seu vídeo/canal, e aí sobra somente os anúncios mais aleatórios com menor CPM.

Idade dos espectador

Via de regra, quanto mais velho seu público, melhor. Se sua audiência é muito jovem, ela não tem muito poder de compra e dependem os pais para desembolsar algum dinheiro. Os anunciantes sabem disso e estão dispostos a pagar mais. E em contrapartida, um público mais adulto, que possui seu dinheiro próprio, quando vê algo que quer (e pode) comprar, compra. Mais cliques em seus anúncios, maior conversão, mais você ganha.

Duração do vídeo e quantidade de anúncios exibidos

Em geral, vídeos mais longos e com maior tempo de visualização ganham mais. Já que podem ter vários anúncios num mesmo vídeo.

Localização do espectador

Para nós, brasileiros, isto não costuma impactar tanto. Mas é fato que se o público do vídeo é de países como o USA, Canadá, Inglaterra e outras potências, maior o CPM e por isso mais você ganha também.

Desmonetização

Antes de qualquer coisa, para seu vídeo ser monetizado ele precisa satisfazer uma série de critérios como:

  • Não usar conteúdo com direito autoral de terceiros (músicas, vídeos, imagens)
  • Ser de família (Sem conteúdo ofensivo, violento, palavrões, etc)
  • Não abordar temas sensíveis como aborto, etc...

Se falhar em qualquer um desses quesistos, bye bye monetization. O Youtube não vai pagar absolutamente nada. Zero reais. Fica a observação que muitas vezes o Youtube não diz exatamente o que levou um vídeo a ser desmonetizado.

Resumindo

Canais e vídeos nichados, com conteúdo específico, mesmo que pequenos que falam de temas relacionados a produtos de alto ticket (preço) são os que possuem melhor desempenho e os RPMs mais altos.

  • Canais de finanças/trade e criptomoedas
  • Canais para empresários/CEOS.
  • Canais de reviews de produtos caros (tecnologia, etc)

Apesar disso, lembre-se que o valor de adsense (Youtube) não deve ser a fonte de renda principal do canal. Há maneiras mais inteligentes e interessantes de monetizar seu conteúdo na internet. :)